Mosteiro da Batalha

Julho 9, 2010

Mosteiro de Santa Maria da Vitória, mais conhecido como Mosteiro da Batalha. Construção iniciada em 1388 para comemorar a vitória de D. João I, de Portugal, na Batalha de Aljubarrota, realizada a cerca de 14km do mosteiro, em 1385. O Mosteiro, em estilo gótico, é um património da humanidade na lista da Unesco.

Feliz Páscoa

Abril 4, 2010

Votos de uma santa e feliz Páscoa.

Visitem o blog “INFORSALVADOR”

Março 16, 2010

A todos os meus amiguinhos e amiguinhas que visitam este blog, sugiro que visitem o  blog  do meu pai dedicado à informática. Não deixem de visitar ou então passem o endereço do blog aos vossos pais, pois pode ser muito útil em caso de necessitarem de algum programa para o computador. Para acederem cliquem AQUI .  O blog chama-se INFORSALVADOR. Espero que gostem e já agora deixem o vosso comentário. Se quiserem passar o endereço aos vossos pais aqui vai:

http://jorgesalvador.wordpress.com

Obrigado.

Guimarães (Berço da Nação)

Março 5, 2010

Guimarães é uma cidade portuguesa situada no distrito De Braga, região Norte e sub-região do Ave (uma das subregiões mais industrializadas do país), com uma população de 52 181 habitantes, repartidos por uma malha urbana de 23,5 km², em 20 freguesias e com uma densidade populacional de 2 223,9 hab\km².

É sede de um município com 241,05 km² de área e 162 636 habitantes (2008), subdividido em 69 freguesias, sendo que a maioria da população reside na cidade e na sua zona periférica. O município é limitado a norte pelo município de Póvoa de Lanhoso, a leste por Fafe, a sul por Felgueiras, Vizela e Santo Tirso, a oeste por Vila Nova de Famalicão e a noroeste por Braga.

Leia o resto deste artigo »

Sancho I de Portugal

Fevereiro 15, 2010

D. Sancho I de Portugal, com o cognome de “O Povoador”, reinou desde 11 de Novembro de 1154 a 26 de Março de 1211. Destacou-se pela fundação da Cidade da Guarda em 1199, e e atribuição dos Forais na Beira e Trás-os-Montes: Gouveia (1186), Covilhã (1186), Viseu (1187), Bragança (1187), etc, pvoando assim áres remotas do reino, em particular com imigrantes da Flandres e Borgonha. Quarto filho do monarca Afonso Henriques, foi baptizado com o nome de Martinho, por haver nascido no dia do santo com o mesmo nome, e não estaria preparado para reinar; no entanto, a morte do seu irmão mais velho, D. Henrique, quando contava apenas três anos de idade, levou à alteração da sua onomástica para um nome mais hispânico, ficando desde então Sancho Afonso.

Leia o resto deste artigo »

Chanfana à Moda de Coimbra

Fevereiro 15, 2010

Ingredientes:

  • 1,5 kg Carne de Cabra velha
  • 0.75 dl de vinho tinto
  • 6 cabeças de alho
  • louro q.b.
  • piri-piri q.b.
  • sal a gosto
  • pimenta preta q.b.
  • 2 colheres de sopa de banha de porco

Preparação:

De véspera limpa-se e corta-se a carne de cabra, coloca-se o vinho, o alho com cascas e socado, o louro, o piri-piri, o sal e a pimenta e reserva-se de um dia para o outro.
Coloca-se na panela de pressão juntamente com a banha durante 1:30h a 2:00h, depois coloca-se numa panela de barro ou inox (se não houver de barro) e deixa-se apurar até servir. Acompanha-se com grelos ou outro legume verde cozido e batatas cozidas ou fritas.

Todos os Reis De Portugal

Outubro 15, 2009

Nome

Início do governo

Fim do governo

Cognome(s)

Notas

D. Afonso I

27 de Julho1139 de

6 de Dezembro de 1185

O Conquistador
O Fundador
O Grande

Também chamado D. Afonso Henriques (Afonso, filho de D. Henrique; aqui radica a designação que os muçulmanos lhe atribuíram, Ibn-Arrik – «filho de Henrique»).

D. Sancho I

6 de Dezembro de 1185

27 de Março de 1211

O Povoador

D. Afonso II

27 de Março de 1211

25 de Março de 1223

O Gordo
O Crasso
O Gafo
O Legislador

D. Sancho II

25 de Março de 1223

1247

O Capelo
O Piedoso
O Pio

Deposto pelo Papa Inocêncio IV no I Concílio de Lyon, em 1245, sob a acusação de «rex innutilis», viria a abdicar em 1247, exilando-se em Toledo, e vindo a falecer pouco tempo depois, em inícios de 1248.

D. Afonso III

3 de Janeiro de 1248

16 de Fevereiro de 1279

O Bolonhês

Regente de Portugal, sob o título de Procurador e Defensor do Reino, desde 21 de Setembro de 1245, até à data da morte do irmão, quando assume plenamente a realeza.

D. Dinis I

16 de Fevereiro de 1279

7 de Janeiro de 1325

O Lavrador
O Rei-Trovador
O Rei-Poeta
O Rei-Agricultor

D. Afonso IV

7 de Janeiro de 1325

28 de Maio de 1357

O Bravo

D. Pedro I

28 de Maio de 1357

18 de Janeiro de 1367

O Justiceiro
O Cruel
O Cru
O Vingativo
O Tartamudo
O Até-ao-Fim-do-Mundo-Apaixonado

D. Fernando I

18 de Janeiro de 1367

22 de Outubro de 1383

O Formoso
O Belo
O Inconstante
O Inconsciente

D. Beatriz I

22 de Outubro de 1383

6 de Abril de 1385

(ver nota 1)

Interregno (13831385)

Designação dada pela historiografia oficial ao período que medeia a morte de D. Fernando e a ascensão ao trono do seu meio-irmão, o Mestre de Avis D. João, e que compreende as regências de Leonor Teles e do próprio Mestre de Avis.

Segunda Dinastia – de Avis ou Joanina

Nome

Início do governo

Fim do governo

Cognome(s)

Notas

D. João I

6 de Abril de 1385

14 de Agosto de 1433

O da Boa Memória

D. Duarte I

14 de Agosto de 1433

9 de Setembro de 1438

O Eloquente
O Rei-Filósofo

D. Afonso V

9 de Setembro de 1438

11 de Novembro de 1477

O Africano

Abdica em favor do filho, que assumia já as funções de regente do Reino.

D. João II

11 de Novembro de 1477

15 de Novembro de 1477

O Príncipe Perfeito
O Tirano

É aclamado rei nas Cortes de Santarém de 1477; abdica ao regressar ao Reino o seu pai.

D. Afonso V

15 de Novembro de 1477

28 de Agosto de 1481

O Africano

Reassume a realeza.

D. João II

28 de Agosto de 1481

25 de Outubro de 1495

O Príncipe Perfeito
O Tirano

Casa reinante: Avis-Beja

Nome

Início do governo

Fim do governo

Cognome(s)

Notas

D. Manuel I

25 de Outubro de 1495

13 de Dezembro de 1521

O Venturoso
O Bem-Aventurado
O Pomposo

(ver nota 2)

D. João III

13 de Dezembro de 1521

11 de Junho de 1557

O Piedoso
O Pio

D. Sebastião I

11 de Junho de 1557

27 de Agosto de 1578

O Desejado
O Encoberto
O Adormecido

D. Henrique I

27 de Agosto de 1578

31 de Janeiro de 1580

O Casto
O Cardeal-Rei
O Eborense/O de Évora

Conselho de
Governadores
do Reino de
Portugal

31 de Janeiro de 1580

24 de Julho de 1580

D. António I

24 de Julho de 1580

25 de Agosto de 1580
(em Portugal Continental)
1583 (na ilha Terceira)

O Prior do Crato
O Determinado
O Lutador
O Independentista

Rei D. Afonso I

Junho 6, 2009

D. Afonso Henriques (3)_thumb[1]

Primeiro rei de Portugal.

Filho do conde D. Henrique e da infanta D. Teresa.

Terá nascido em Coimbra e foi, possivelmente, criado em Guimarães onde viveu até 1128.

Tomou, em 1120, uma posição política oposta à de D. Teresa (que apoiava o partido dos Travas), sob a direcção do arcebispo de Braga. Este forçado a emigrar leva consigo o infante que em 1122 se arma cavaleiro. Restabelecida a paz, voltam ao condado. Entretanto novos incidentes provocam a invasão do condado portucalense por D. Afonso VII, que, em 1127, cerca Guimarães onde se encontrava D. Afonso Henriques. Sendo-lhe prometida a lealdade deste, D. Afonso VII desiste de conquistar a cidade. Mas alguns meses depois, em 1128, as tropas de D. Teresa defrontam-se com as de D. Afonso Henriques tendo estas saído vitoriosas – o que consagrou a autoridade de D. Afonso Henriques no território portucalense, levando-o a assumir o governo do condado.

Leia o resto deste artigo »

A Reconquista Cristã

Janeiro 26, 2009

A Reconquista Cristã, ou seja, o movimento de defesa e alargamento dos reinos cristãos, prolongou-se por mais de oito séculos.

Para um melhor povoamento, governo e defesa das terras conquistadas, os reis cristãos dividiam-nas em regiões, que eram entregues a senhores de confiança dos reis, como recompensa de serviços prestados. Essas regiões eram os condados.

Neste contexto, encontramos o Conde D. Henrique, que por serviços prestados ao rei de Leão –Afonso VI – recebe, como recompensa , a mão da filha ilegítima do monarca – D. Teresa- e o Governo do Condado Portucalense.

Leia o resto deste artigo »

Bem Vindos ao ” O Nosso Portugal”

Janeiro 25, 2009

400px-coat_of_arms_of_portugalsvg1

Bem Vindos ao meu segundo blog (para aceder ao outro blog clique aqui)! Desta feita, neste espaço irei falar de tudo o que se relaciona com nossa pátria em várias vertentes, como por exemplo, a nossa história, a geografia, receitas tipícas de cada região, etc. Espero corresponder às vossas expectativas dentro do possível. Obrigado!!!

Joana Salvador.